O Selo Procel é uma forma de orientar o consumidor na hora da compra, indicando quais produtos que apresentam os melhores níveis de eficiência energética dentro de cada categoria, resultando em economia na conta de energia elétrica e consequentemente dos recursos naturais que foram utilizados para a sua geração.

O PROCEL, Programa Nacional de Conservação de Energia Elétrica, surgiu na década de 80. Trata-se de um órgão criado pelo governo que visa o uso racional da nossa energia elétrica.

Ele é concedido anualmente aos eletrodomésticos que apresentam melhor performance energética em sua categoria. Dessa forma a PROCEL pretende estimular a produção nacional de aparelhos mais eficientes no quesito economia de energia.

Para quem é consumidor, como você e eu, o selo é essencial para uma boa tomada de decisão no ato da compra, pois com ele você saberá qual produto consome menos energia, logo qual é o mais econômico.

Vantagens:

Ao escolher produtos com o Selo Procel, a economia gerada por essa escolha pode resultar, ao longo do tempo, no equivalente ao preço de um aparelho novo. Isso mesmo ! Além do mais, evita investimentos desnecessários no setor energético (geração, transmissão e distribuição de energia), estimula a fabricação e comercialização de produtos mais eficientes, contribuindo com o desenvolvimento tecnológico e mais importante ainda, com a preservação do meio ambiente. Resumidamente todos ganham, o consumidor que irá economizar com gastos na conta de energia, o governo que não vai precisar alocar excessos de recursos para a produção energética e as empresas nacionais que são incentivadas a produzir produtos mais econômicos.

Os produtos com o Selo  Procel são testados em laboratórios credenciados, sob a supervisão o INMETRO. O Procel é uma garantia da qualidade do aparelho que você está comprando. Para o selo ser concedido é preciso que o produto passe por uma série de testes em laboratório idôneos.

No selo está especificado qual foi o laboratório que efetuou os testes do aparelho, e também é possível descobrir os critérios de avaliação diretamente no site da PROCEL. Depois de todos os testes, cada produto se enquadra em uma escala de consumo. Os que possuem o selo A são os mais econômicos. Conforme as letras passam, o consumo de energia também sobe. O sistema de letras criados pela PROCEL torna o selo intuitivo e muito prático de ser avaliado.

Os condicionadores de ar e o Selo PROCEL

Os fabricantes de ar-condicionado precisam enviar seus aparelhos para o Programa Nacional testar. Caso sejam aprovados, antes de receber o Selo PROCEL, eles ganham a ENCE (Etiqueta de Conservação de Energia).

A classificação continua pelo sistema de letras, de forma decrescente. Quanto maior o consumo de energia, mais distante no alfabeto está a letra. Porém, apenas os condicionadores de ar que recebem A na ENCE podem então ter o selo PROCEL.

Para quem busca ainda mais economia de energia com ar-condicionado, não só o selo é uma boa referência, mas também a procura por aparelhos com tecnologia inverter.

Essa tecnologia foi desenvolvida por uma marca japonesa há 30 anos. Com ela, o consumo de energia pode ser reduzido em 60%, pois o aparelho sofre menor variação térmica.

Outra vantagem desse tipo de sistema é que o aparelho utiliza gás ecológico e alcança a temperatura desejada mais rápido.

Ficar atento ao selo concedido pelo Programa Nacional de Conservação de Energia Elétrica e buscar aparelhos com uma tecnologia favorável como a inverter são pontos fundamentais para um uso consciente de energia — e do seu dinheiro.